A flor de lisianthus, conhecida também como eustoma, é uma das plantas ornamentais mais admiradas pelo aspecto aveludado das suas elegantes flores, equiparável à rosa ou à peônia. Originária das zonas húmidas do norte do México e sul dos Estados Unidos, chegou à Europa nos anos 30 através do Japão, país em que se desenvolveram os exemplares híbridos que se comercializam hoje em dia. Descubra, com a Interflora, as peculiaridades e os cuidados de que esta flor tão especial precisa. Tornar-se-á, sem dúvida, em uma das suas flores favoritas.

Características da flor Lisianthus

A flor de lisianthus tem vindo a ganhar terreno no mundo do desenho floral graças à sua versatilidade para se adaptar a outras flores de forma harmoniosa em composições de todo o tipo.

Trata-se de uma planta anual perene que cresce formando uma roseta de folhas de cor verde-azulado intenso, sobre a qual se desenvolve um caule que pode chegar a medir de 40 a 60 cm. Capaz de continuar a crescer mesmo depois de cortada, de um só caule podem brotar entre oito e dez botões, os quais não abrem todos de uma vez, mas sim de modo paulatino, por isso podemos desfrutar do seu florescimento durante muito tempo.

O seu atrativo reside, sobretudo, na corola formada por grandes pétalas. A variedade simples apresenta uma só fila, com uma aparência similar à papoila, enquanto que a dupla é mais exuberante com duas ou três filas de pétalas. Podemos encontrá-la numa enorme variedade de cores: branco, cor-de-rosa, verde, salmão, azul ou púrpura; sendo as duas últimas as mais comuns entre as variedades silvestres. Como curiosidade, os botões são sempre verdes ao princípio e a tonalidade definitiva vai-se manifestando pouco a pouco à medida que se completa o processo de florescimento.

Cuidados da flor lisianthus

É uma planta que põe à prova a destreza dos jardineiros mais experientes, já que se trata de uma das flores mais difíceis de cultivar desde o início. A alternativa mais acessível são as plântulas, as quais se devem transplantar para um vaso maior de modo a facilitar o seu crescimento. Tenha em consideração os seguintes cuidados básicos para desfrutar da flor lisianthus em todo o seu esplendor tanto no seu jardim como no interior do seu lar:

  • Terra. Um substrato rico em nutrientes e com uma boa drenagem é o segredo para manter as raízes sãs.
  • Rega. Dependerá da humidade ambiental da zona, mas, de modo geral, a sua rega é frequente: 1 ou 2 vezes por semana, exceto no verão, quando será de 3 a 4 vezes. É primordial evitar o encharcamento.
  • Localização. Necessita estar situada numa zona luminosa, mas protegida da luz solar direta, e distante de fontes de calor.
  • Poda. Não hesite em retirar as folhas e flores que começarem a murchar para favorecer o seu desenvolvimento.

Como flor cortada, pode durar de 10 a 14 dias com uma conservação adequada:

  • Encha uma jarra com água a temperatura ambiente e agregue um saco de nutrientes para flores cortadas. Mude-a de dois em dois ou de três em três em dias.
  • Corte os caules na diagonal e retire as folhas necessárias de forma a não tocarem a água. Pela sua capacidade de continuar a crescer, aconselha-se a cortar os novos caules com as suas flores para reduzir o peso e impedir que se dobrem para baixo.
  • Coloque o seu ramo de lisianthus num lugar luminoso e fresco, de modo a evitar a luz solar direta e as correntes de ar fortes.

A flor de lisianthus é sensível ao etileno, pelo que se recomenda afastá-la de frutas ou outras flores que emitam este gás.

Composições florais com lisianthus para oferecer

As lisianthus escondem um significado profundo e positivo, muito apropriado à sua aparência elegante e delicada. Representam os conceitos de gratidão e apreço, pelo que são ideais para surpreender os seus seres queridos. Usam-se cada vez mais em arranjos florais para casamentos e como prenda de aniversário, já que simbolizam o «amor eterno«.

  • Esperança. Um arranjo floral exuberante e sofisticado em tons cor-de-rosa que destaca pela composição harmoniosa de cores e formas. O detalhe perfeito para expressar os seus sentimentos mais sinceros.
  • Antiga. Sofisticado e original ramo de lisianthus numa composição única de tonalidades verdes que se torna num obséquio inesquecível nas ocasiões mais especiais.
  • Borgonha. Um centro romântico que se apresenta num bonito cesto, perfeito para criar um ambiente acolhedor em qualquer espaço graças à composição equilibrada de flores em tons de rosa e laranja.

Dejar una respuesta